Coribe: Secretária aguarda exames em macacos para saber se febre ‘voltou’ à cidade


A secretária de saúde de Coribe, no extremo oeste baiano, Jaqueline Bonfim, afirmou que aguarda o resultado de exames em macacos encontrados mortos no município. Só assim saberá se a febre amarela voltou à cidade. Coribe ficou marcada com área de risco da enfermidade desde que uma pessoa morreu devido à doença em 1999. De lá para cá, o alerta para a enfermidade está ligado. Bonfm participa nesta terça-feira (7) do Seminário de Integração da Gestão na Saúde, que reúne gestores de diversas cidades baianas. Em Coribe foram achadas carcaças de primatas, além de um macaco vivo com possíveis sinais da febre.
O último caso ocorreu no domingo (5). Enquanto o diagnóstico dos animais não sair, Jaqueline Bonfim disse que os trabalhos de prevenção continuam, como o isolamento de possíveis infectados e a vacinação de moradores. A última imunização ocorreu em  massa na cidade contra a febre amarela se deu em 2008. “Como a vacina tem cobertura de dez anos, a gente precisa agora atualizar as cadernetas. Para isso, montamos toda uma estrutura e graças a Deus está tudo sob controle”, declarou ao Bahia Notícias.   
Rede Sociais:

TV BARREIRAS 24 HORAS FORRO

PLAVEL PLACAS

Resultado de imagem para fotos da PLAVEL PLACAS em barreiras

PATROCINADOS

POSTAGEMS

Arquivo do blog