BA: Hospital proíbe marido de acompanhar exame de ultrassom da esposa grávida

Em Livramento de Nossa Senhora, a 68 km de Brumado, a direção do Hospital Municipal proibiu um homem de acompanhar o exame de ultrassonografia da sua esposa, que está grávida de 9 meses. O homem denunciou que a equipe de saúde da unidade não permitiu a sua entrada na sala para acompanhar o exame que faz parte do pré-natal. 

“Ao questionar o motivo da proibição, a alegação do funcionário é que se tratava de uma norma do hospital. Estou indignado, pois é um direito meu na qualidade de pai, direito este garantido por Lei e que me foi negado no momento tão importante da minha vida e da minha esposa”, disse o homem em entrevista a Rádio 88 FM. 

De acordo com a Lei do Acompanhante, gestantes que realizam o pré-natal nas instituições do Sistema Único de Saúde (SUS) podem ser acompanhadas pelo esposo ou parceiros desde o teste até o pós-parto. A direção do hospital não se pronunciou sobre o assunto. 

(Fonte e Foto: Lay Amorim/Achei Sudoeste)
REDE SOCIAIS:

TV BARREIRAS 24 HORAS FORRO

PATROCINADOS

POSTAGEMS

Arquivo do blog

Recent Posts

Unordered List

  • Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  • Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  • Vestibulum auctor dapibus neque.